Siga a Oficina no seu e-mail!

quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Sobre a prisão de Garotinho e Cabral

Confesso que fiquei eufórico num primeiro momento, mas depois me peguei pensando: que sentimento mais mesquinho! Obviamente eles cometeram delitos graves e devem ser punidos de acordo com o que estabelecem as leis, mas obviamente minhas reações se devem mais ao sentimento de vingança que de justiça. Os alemães têm uma palavra para isso: "Schadenfreude" - o prazer de ver o sofrimento alheio. "Dar a outra face" é realmente uma coisa muito difícil...

Fico impressionado ao constatar em mim mesmo o quanto a desgraça alheia nos satisfaz de maneiras quase inconfessáveis. Os japoneses possuem um provérbio curioso: "Longe de casa, quanto maior o incêndio, maior a diversão". O pior de tudo é que sempre rio quando me lembro desse ditado! Ele descreve com delicioso sarcasmo a mesquinhez de nossos sentimentos...

Enfim, já ensinava Seu Madruga: "A vingança nunca é plena, mata a alma e a envenena".

Nenhum comentário: