quinta-feira, 17 de março de 2016

Para rir ou chorar

Quando eu estiver debochando, talvez pareça que estou falando sério. Quando eu falar sério, talvez pareça que estou debochando. Nesse momento de meu-lado-contra-o-seu, talvez apenas o humor consiga interromper a preparação das trincheiras. Como disseram por aí, se você ainda não está confuso, é sinal de que está mal informado...
***
Vamos combinar, é uma baita ironia que tenham transformado o "não vai ter copa" em "não vai ter golpe"...
***
Só vejo duas saídas viáveis para o Brasil: King Size ou Tiririca. O resto, é mais do mesmo...
***
Acho que podíamos dissolver a federação e instituir 27 estados independentes, governados por seus respectivos king sizes...
***
Valeu, gente! Vou descansar antes que o Brasil acabe comigo ou eu acabe com o Brasil...
***
Como somos um país de formação cristã, vamos todos ficar comovidos e sensibilizados pelo arrependimento sincero do Eduardo Paes...
***
Para quem quer se escandalizar, qualquer coisa se torna motivo de escândalo.
***
Toda crise traz perigos e oportunidades. Cabe ao povo escolher de que maneiras conduzir esse momento.
***
Só para constar, apoiarei a democracia sempre que necessário, mas sou socialista demais para apoiar o PT.
Também sou socialista demais para essas manifestações pelo "impitima".
***
Nesse momento, meu partido se chama DIÁLOGO.
***
-Mamãe, no céu tem golpe?
E morreu...

Nenhum comentário: