domingo, 17 de abril de 2016

Notas sobre a noite de hoje (17 de abril de 2016)

"Pelo meu curral eleitoral, voto sim".
 ***
As falas são de uma mediocridade assustadora. Somos governados por uma manada de idiotas E/OU hipócritas...
***
Os figurinos e atuações também são dignos de [porno?]chanchada...
***
O "sim" já ganhou. Alguém já tem uma manifestação contra o Temer aí?
***
Vejamos pelo lado bom: em breve estaremos unidos contra Temer e Cunha!
***
Gente, eu não sabia que o Nhonho era deputado federal...
***
As falas do PT são medíocres, mas pelo menos são coerentes.
***
Pelo menos é mais engraçado que o filme do Pelé...
***
Chico Alencar me representa.
***
Pobre Luther King, sendo citado por Ezequiel Teixeira...
***
Daqui a pouco vem o Pedro Paulo. Esse não vai perder uma oportunidade de bater na Dilma...
***
Nosso congresso é uma gaiola de hienas... Ainda bem que Cunha não assistiu "O Rei Leão".
***
O voto do Cabral filhote é o resumo de anos de "pacto de governabilidade". Dilma ficou calada em 2013 por nada...
***
Não é golpe, mas é uma baita farsa, em todos os sentidos. Um congresso picaresco.
***
O PT alimentou os chacais em vão. Aqui acabam 13 anos de "governabilidade" comprada a peso de ouro. O PT vendeu a alma, e agora o Diabo veio buscar. E quem já está no inferno somos nós. E nem adianta "abraçar o capeta".
***
Pelo menos a Porta dos Fundos vai fazer uma sátira bacana...
***
Estou analisando uma gravura do século XVI onde um tupinambá, aparentemente, sorri e cumprimenta o espectador: "Estou muito bem". Irônico, né? Como diz o antropólogo Eduardo Viveiros de Castro, "no Brasil, todo mundo é índio"...
 ***
Todas essas homenagens familiares me lembram Gilberto Freyre, em "Casa Grande & Senzala". E o homem cordial de Sérgio Buarque também vai bem, obrigado.
***
Por sinal, não se iludam. A briga que está acontecendo em Brasília não é ENTRE a casa grande e a senzala. São apenas as pessoas da casa grande brigando para decidir o que fazer conosco (a senzala).
***
A verdadeira luta popular está para começar. Contra O PMDB, luto até ao lado do PT.
***
Achei que o Jean Wyllis podia ter evitado aquela cusparada, mas convenhamos que hoje o Bolsonaro cuspiu na cara do gênero humano inteiro...

Nenhum comentário: