domingo, 5 de agosto de 2018

Nada a estranhar

Lúcida constatação do historiador Roger Marques

Acho curioso certas pessoas estarem chocadas com a popularidade de candidatos estúpidos. Há décadas que as pessoas mais imbecis e desprezíveis são as que mais fazem sucesso no Brasil. Há décadas que infelizes sem talento são campeões de audiência e vendas de discos. Há décadas que mercenário(a)$ prostituto(a)$ de fama fútil são os modelos de comportamento. O brasileiro, no geral, com diploma ou sem diploma, com dinheiro ou sem dinheiro, não tem nenhum senso crítico, não tem memória e nem padrões de referência.

O jenial Jair Bolsonaro com o multitalentoso modelo, ator pornô e influenciador digital Alexandre Frota.

Nenhum comentário: