quarta-feira, 13 de setembro de 2017

Brasileiros vão à Europa ver museus; europeus vêm ao Brasil ver bundas...

Provocação do historiador Fred Oliveira:

A constatação pode levar a pensar que nós é que somos os civilizados, os cultos ou ao menos os interessados em conhecer, afinal vamos à Europa ter contato com cultura, conhecimento, arte. 

Mas pensando sobre o que esperamos lá encontrar e desfrutar e (nem falo no montante de divisas) na reprodução sazonal do mesmo impulso não é bem assim. 

Eles sabem o valor de seus museus, sua arte, sua ciência, sua história e vem aqui se divertir. E nós... 

Bem, nós lemos com algumas décadas de atraso tudo que eles já testaram, refutaram e jogaram na sarjeta, mastigamos o mastigado, repetimos um eco que já emudeceu e nos sentimos inteligentes, originais e, alguns, ainda se acham "vanguarda". 

Eles também tem problemas. Mas isso é problema deles. 

E por isso também é que eles vem ao Brasil ver bundas e nós, que nunca resolvemos os nossos problemas, vamos à Europa ver museus, parques, cafés, monumentos, etc.

"Vênus do Espelho", de Vélasquez (detalhe)

Nenhum comentário: